A Polícia Militar foi informada neste segunda-feira (31) sobre dois homens que estão fazendo compras com notas falsas de R$ 100,00 na região de Botucatu.

Pelo menos uma pessoa recebeu a nota e acionou a polícia, mas a dupla fugiu em um carro antes da chegada da viatura.

Momentos depois, dois homens com as mesmas fisionomias e roupas foram vistos com a mesma prática na cidade de Conchas. 

Um dos homens que entra nas lojas é magro, branco, vestia camisa cinza e boné. O segundo suspeito não sai do carro e fica aguardando para a fuga. O veículo usado seria um Gol ou Corsa branco.

Veja como identificar uma nota de R$ 100 falsa

 
R$ 100,00
Dimensões: 140 x 65 mm.
Cor predominante: azul

 

 
 
Marca d´água 1 – Marca d´água
Segure a cédula contra a luz, olhando para o lado que contém a numeração. Observe na área clara, do lado esquerdo, a marca d´água em tons que variam do claro ao escuro. As cédulas de R$ 100,00 apresentam como marca d´água a figura da República.
 
 
Fibras coloridas 2 – Fibras coloridas
Pequenos fios espalhados no papel, nas cores vermelha, azul e verde, podem ser vistos em ambos os lados, ao longo de toda a cédula.
 
 
Impressão em alto-relevo 3 – Impressão em alto-relevo
As figuras da República e da garoupa, as legendas “BANCO CENTRAL DO BRASIL” e “CEM REAIS”, a tarja contendo a palavra “REAIS” e os números indicativos do valor da cédula (100) possuem alto-relevo e podem ser sentidos com os dedos.
 
 
Fundos especiais 4 – Fundos especiais
São formados por linhas retas e sinuosas, extremamente finas, que dão colorido a toda a cédula.
 
 
Microimpressões 5 – Microimpressões
Ao utilizar uma lente, vamos notar a presença de pequeníssimas letras “B” e “C”, na faixa clara  junto à efígie (frente) e no interior do número 100 (frente e verso).
 
 
Registro coincidente 6 – Registro coincidente
Olhando a nota contra a luz, o desenho das Armas Nacionais impresso em um lado deve se ajustar exatamente ao desenho semelhante que se encontra no outro lado da cédula.
 
 
Fio de segurança 7 – Fio de segurança
Fio vertical de cor escura embutido no papel, mais facilmente visível com a nota contra a luz, com propriedades magnéticas, que serve para leitura por equipamento eletrônico de seleção e contagem.
 
 
Numeração 8 – Numeração
São as letras e os números que identificam a cédula. Não podem existir duas cédulas de mesma numeração. Entenda a numeração das cédulas do real:

Série – é um conjunto de 100.000 cédulas de mesmo valor, com as mesmas características gráficas e é indicada pelos cinco primeiros caracteres da numeração. A numeração das séries é sucessiva, isto é, a série “A 9999” será sucedida pela série “B 0001”, esta pela “B 0002”, e assim por diante.

Ordem – é a numeração seqüencial da cédula dentro da série. O número de ordem varia de 000001 a 100000.

Estampa – identifica as séries com iguais características físicas e/ou gráficas. É indicada pela última letra da numeração. A cédula de R$ 100,00 possui somente uma estampa:
Estampa A – impressa no Brasil (a partir de 1994).

 
 
Imagem latente 9 – Imagem latente
Observando a frente da cédula, olhe a partir do canto inferior esquerdo, colocando-a na altura dos olhos, na posição horizontal e sob luz natural abundante: ficarão visíveis as letras “B” e “C”.
 
 
Marca tátil 10 – Marca tátil
São marcas impressas em relevo para auxiliar os deficientes visuais a identificar a cédula. Cada cédula tem marcas próprias e as cédulas de R$ 100,00 apresentam como marca tátil três elipses (uma na linha superior e duas na linha inferior).
 
 
Fibras luminescentes 11 – Fibras luminescentes
Pequenos fios espalhados no papel que se tornam visíveis, na cor lilás, quando expostos à luz ultravioleta. São encontrados nos dois lados da cédula.
 
 
Microchancelas 12 – Microchancelas
São as duas assinaturas – uma do Ministro da Fazenda, outra do Presidente do Banco Central do Brasil – que conferem à cédula o seu valor legal.

 

 

Além destes elementos, sinta a textura do papel ao manusear uma cédula. O papel usado no dinheiro é diferente do papel comum.

Veja mais.