-Reunião na Prefeitura de Marília. (Fotos: Julio Cesar de Carlis).

O prefeito Daniel Alonso criou na tarde desta sexta-feira, dia 27, durante encontro no auditório da Prefeitura de Marília, o Comitê de Enfrentamento ao Covid-19 (Novo Coronavírus) e também anunciou a volta gradativa de atividades.

A partir de segunda-feira, dia 30 de março, ficam autorizadas parcialmente as seguintes atividades, por prazo indeterminado: agências e correspondentes bancários, lotéricas e cooperativas de crédito, somente para atendimento daqueles que prioritariamente necessitem de serviços bancários; e a partir de quarta-feira, dia 1º de abril, as atividades e os serviços privados não essenciais, como academias, shoppings centers, bares, restaurantes e comércio em geral; atividades do setor hoteleiro; atividades da construção civil; prestação de serviços em geral; e centros de distribuição e depósitos; além dos serviços autônomos, domésticos e os prestados por profissionais liberais.

O Plano de Retomada Gradual das atividades define regras para estabelecimentos com permissão para atendimento ao público e entrada de pessoas: respeitar o limite de entrada de 50% (cinquenta por cento) da capacidade de público do local, podendo este estabelecer regras mais restritivas; e controle de acesso e marcação de lugares reservados aos clientes, respeitadas as boas práticas e a distância mínima de 1,5m (um metro e meio) entre cada pessoa, bem como o controle da área externa do estabelecimento; promover o afastamento de empregados pertencentes ao grupo de risco (pessoas acima de 60 anos, hipertensos, diabéticos e gestantes) sem nenhum prejuízo de salários; manutenção de trabalho remoto para os setores administrativos; continuidade de aplicação das medidas relacionadas à saúde do trabalho, necessárias para evitar a transmissão do Covid-19 no ambiente de trabalho e no atendimento ao público; e utilização de veículos de fretamento para transporte de trabalhadores, ficando a ocupação de cada veículo limitada a 50% da capacidade de passageiros sentados.

“A Prefeitura estruturou esse plano de retomada gradual das atividades econômicas no município, seguindo critérios técnicos definidos pela equipe de enfrentamento da pandemia, observando atentamente a evolução do cenário local, levando em consideração a capacidade dos hospitais e o número de casos nos municípios. O Comitê criado decidiu por essa retomada das atividades econômicas de forma gradativa. E no decorrer do isolamento social, ainda em vigor no município de Marília, a prefeitura irá analisar permanentemente a situação e, em conjunto com o Comitê, redefinir as ações do plano se e quando necessário”, disse o prefeito Daniel Alonso.

No plano permanecem suspensas a presença de pessoas acima de 60 anos no transporte coletivo urbano municipal e intermunicipal de passageiros, áreas comerciais e áreas que possuam aglomerações.

As escolas municipais seguem fechadas até determinação do Governo do Estado de São Paulo para sua reabertura, pois as mesmas dependem do transporte escolar e do calendário estadual para prosseguimento.

A Prefeitura irá divulgar no Diário Oficial do Município de Marília todas as atividades e os prazos para reabertura das mesmas, a fim de que a população se prepare com segurança para sair às ruas tranquilamente, dentro de uma data a ser definida em breve.

O encontro desta tarde contou ainda com as presenças dos secretários municipais Ricardo Sevilha Mustafá (Saúde), Márcio Spósito (Chefe de Gabinete), Dr. Alysson Alex Souza e Silva (Assessor Especial de Governo), Hélcio Freire do Carmo (Obras Públicas), Vanderlei Dolce (Meio Ambiente e Limpeza Pública), Cássio Luiz Pinto Júnior (Administração), Wania Lombardi (Assistência e Desenvolvimento Social), Ramiro Bonfietti (Planejamento Econômico) e os vereadores Marcos Rezende (presidente da Câmara), José Carlos Albuquerque, João do Bar, Evandro Galete, Cícero do Ceasa e Profª. Daniela.

Profissionais da saúde, empresários e outras autoridades também estiveram presentes, como Márcia Mesquita Serva Reis (Hospital da Unimar), Paloma Libânio Nunes (HC/Famema), Virgínia Balloni (Maternidade Gota de Leite), Norival Carneiro Rodrigues (Santa Casa), Alessandra Arrigoni Mosquini (supervisora da Vigilância Epidemiológica), Fernanda Mesquita Serva (Unimar), Cel. Mário Sérgio Nonato (comandante do 9º BPM/I), Alexandre Santiago (Viação Sorriso), Dani Alonso (PL), Sinval Gruppo (Sindicato de Hotéis, Restaurantes, Bares e Similares), Alberto Magyori (Construtora Bild), Mário Furlaneto (Maçonaria), João de Oliveira (Food Park), Pastor Rodrigo Gonçalves (Igreja Universal), Rui Rocha Júnior (Alves de Souza), Roberto Borghette de Melo (Toca Imóveis), Adriano Luiz Martins (presidente da Acim – Associação Comercial e Industrial de Marília), Juliano Flávio Rubatino (Movimento Marília contra o Covid-19), Moisés Martins Júnior (Esmeralda Shopping), Marcelo Montolar (Tack Engenharia), Keniti Mizuno (Nikkey Clube), Pastor Mecenas (Igreja Batista), José Geraldo Garla (Fiesp/Ciesp), Marlúcio Bonfim Trindade (presidente da OAB), Tereza Machado (presidente do Comus – Conselho Municipal da Saúde), Eduardo Kawakami (Supermercados Kawakami) e Rogério Montolar (Supermercados Tauste).

ALINHAMENTO COM O ESTADO
No início da noite desta sexta, o prefeito Daniel Alonso recebeu um telefonema do secretário estadual de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, que se reuniu com o governador João Doria, e tomou conhecimento das deliberações do Comitê de Marília.

“O secretário nos tranquilizou e disse que o Estado vai fazer o que for necessário para que não haja conflitos de decretos. Caso seja necessário, ele pedirá para a Procuradoria Geral do Estado fazer uma carta, dando-nos essa concessão para que possamos implantar em Marília as medidas que foram deliberadas pelo Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus, para que não haja conflito com o decreto de Quarentena do Estado. Isto nos deixou mais tranquilos para que as atividades voltem a funcionar de forma gradativa, de acordo com o que for definido por esse Comitê”, disse o Chefe do Executivo.

O COMITÊ
O Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus (Covid-19) foi criado com a finalidade de coordenar as ações do Poder Público, visando à contenção da expansão do vírus.

As atribuições centrais do Comitê serão as seguintes: planejar, coordenar e monitorar as ações/medidas de prevenção e enfrentamento ao contágio do vírus; realizar reuniões e explanações aos servidores públicos municipais, cujas funções demandem atendimento ao público, para esclarecimentos de ações e medidas de profilaxia a serem observadas; e adotar as medidas necessárias no intuito de cumprir o disposto no decreto de estado de calamidade pública no município.

O Comitê de Enfrentamento ao Novo Coronavírus será composto pelos seguintes representantes:

  • do Poder Público: Saúde – Ricardo Sevilha Mustafá (secretário) e Alessandra Arrigoni Mosquini (supervisora da Vigilância Epidemiológica); Administração – Cássio Luiz Pinto Júnior (secretário); Assistência e Desenvolvimento Social – Wania Lombardi (secretária); Educação – Helter Rogério Bochi (secretário); Fazenda – Levi Gomes de Oliveira (secretário); e Planejamento Econômico – Ramiro Bonfietti (secretário).
  • do Poder Legislativo: Marcos Rezende (presidente da Câmara Municipal).
  • do Sistema Ciesp/Fiesp: José Geraldo Garla.
  • dos Restaurantes e Bares Diferenciados: Sinval Gruppo.
  • de Sindicatos patronais e empresariais:
  • de Cooperativas e Associações Médicas: Dr. Francisco Venditto Soares.
  • de Entidades Hospitalares: HC/Famema (Paloma Libânio Nunes); Unimar (Márcia Mesquita Serva Reis); Maternidade Gota de Leite (Virgínia Balloni); Hospital Espírita (Bruno Vinícius Armentano) e Santa Casa (Sérgio Stopato Arruda).
  • das Universidades Públicas:
  • das Universidades Particulares: Fernanda Mesquita Serva (Unimar).
  • das Escolas Técnicas:
  • da Acim: Adriano Luiz Martins.
  • do Comando da Polícia Militar: Cel. Mário Sérgio Nonato.
  • do Ministério Público do Estado de São Paulo:
  • do Sest/Senat:
  • de órgãos de classe: Marlúcio Bonfim Trindade (OAB)
  • do transporte público: Alexandre Santiago (Viação Sorriso).
  • de associações: Elvis Fusco (Univem).
  • de igrejas: Pastor Francisco Mecenas.
  • de pequenos comércios: João de Oliveira.
  • de centros comerciais: Moisés Gimenez Martins Júnior (Esmeralda Shopping).
    Os membros do comitê já têm a primeira reunião marcada para segunda-feira, às 9h, no auditório da Prefeitura.

(Fotos: Julio Cesar de Carlis)

"Eu também não gosto de ficar neste marasmo, de ficar de portas fechadas, mas o poder público assim determinou para meu…

Posted by Agência14News on Saturday, March 28, 2020