Morreu na tarde desta terça-feira (16) em Botucatu, o radialista e diretor de jornal, José Antônio Di Santis, aos 75 anos. Di Santis era muito conhecido na região onde também atuava como advogado.

O jornalista sofreu um infarto e passava por tratamento em Botucatu, mas não resistiu vindo a falecer nesta terça.

Di Santis teria sofrido uma queda onde também se suspeitava-se de um AVC em Jacareí, e caiu em um poço, quando se deslocava para a casa filho que e médico na cidade de Taubaté.

Ele deixa dois filhos, um médico e um dentista, bem como a esposa Fernanda Barros.

Durante muitos anos ele esteve à frente dos microfones dos 1420 AM da Rádio Nova, apresentando o programa “Tribuna Livre” que se tornou um dos mais ouvido do Rádio de São Manuel ao lado de Sandro Dalio e Luís Antônio. Ali eles criaram o slogan “O Jornalista que conquistou a credibilidade do publico ouvinte”.

O programa Tribuna livre entrevistou grandes personalidades da região.

Di Santis também foi vereador e já concorreu à Prefeitura de São Manuel nos anos 90.

Há alguns dias Di Santis sofreu um infarto e seu quadro de saúde foi se agravando, até que acabou falecendo.

O velório está marcado para às 15h desta quarta-feira, em São Manuel.

(Do Agência14News com Integração FM).