A Diretoria Municipal de Saúde de São Manuel, através da equipe de Controle de Endemias realizou vistoria e limpeza no cemitério local, retirando as embalagens plásticas dos vasos com flores ou plantas que estavam sobre os túmulos.

A medida visa evitar possíveis criadouros do mosquito Aedes Aegypti, cujo habitat preferido são os objetos com acúmulos de água.

Até este dia 26 de maio, os Setores de Vigilância Epidemiológica e de Controle de Endemias contabilizaram 23 casos positivos de Dengue no Município em 2020.

Foram confirmados nos seguintes bairros: seis na região central da cidade, três no Jardim Brasil, Vila Consolata e Dinkel, dois na Vila Industrial e Nova Conquista, um no Recanto Ouro Verde, Cohab I, Conquista e bairro Toledo, na zona rural, entre casos autóctone e importados.

Em 23 casos, os exames deram negativos e um exame de paciente do centro da cidade aguarda resultado. Em todos os casos positivos, os pacientes se recuperam satisfatoriamente, sem apresentarem maiores problemas.

Cerca de 26% dos casos está localizado na região central da cidade e os cuidados da população devem ser redobrados, para que a Dengue também não se transforme em mais um caso complicado de saúde pública, principalmente, neste momento em que as atenções principais estão voltadas ao combate do novo coronavírus.

As pessoas não devem se esquecer de que a Dengue também foi responsável por muitas mortes em 2019.

A orientação da Diretoria Municipal de Saúde é que a população faça uso de repelentes, se hidrate bem, tomando muita água; água de coco e isotônicos e que colabore, deixando terrenos e quintais limpos, não deixando água acumulada em recipientes, que se tornam criadouros preferidos do mosquito.

Qualquer sintoma da doença, as pessoas devem procurar uma Unidade de Saúde o mais breve possível.