Nesta quarta-feira (14), a Guarda Civil Municipal de Botucatu registrou os mais diversos tipos de atendimento.

Na parte da manhã, os guards civis Camargo e Devidé estiveram no Bairro Alto, onde havia uma ave com a asa quebrada. Diante dos fatos a Maritaca foi resgatada e levada ao Centro de Medicina e Pesquisa em Animais Silvestres (CEMPAS), onde ficou aos cuidados da equipe de veterinários.

Já na parte da tarde, os guardas Leite e De Santi foram acionados a comparecer na Praça Emílio Pedutti, onde uma idosa de 78 anos estava totalmente desorientada. Depois de conversarem com a mulher, os guards conseguiram descobrir onde ela mora.

Os guardas então decidiram levá-la até a sua residência, onde ficou aos cuidados de familiares.
 
Ainda na parte da tarde, de novo com os guardas Camargo e Devidé, houve o registro de uma ocorrência de ameaça na Vila São Luiz.

Ao chegarem no local, os guardas receberam a informação de quem uma mulher de 61 anos estava sendo ameaçada pelo próprio filho de 34. O caso foi apresentado junto à Delegacia de Defesa da Mulher, onde foi lavrado boletim de ocorrência de ameaça e a vítima devidamente orientada.

(Foto: Divulgação)