Um tamanduá foi filmado nesta semana na estrada Ítalo Bacchi que dá acesso ao Hospital Psiquiátrico Cantídio de Moura Campos, área urbana de Botucatu (SP).

O local é usado por pessoas que se deslocam ao Hospital Estadual, Fatec, Hospital Cantídeo e moradores.

Na imagem, o tamanduá tenta achar um espaço para entrar na mata e sair da pista, onde carros passam por ali.

O aparecimento de animais na região da rodovia ao lado, a Gastão Dal Farra, também acabou em vários atropelamentos. Alguns moradores alegam que a obra de uma represa – que visa garantir o abastecimento de água à cidade – pode estar causando impacto no deslocamento dos tamanduás.

A licença ambiental diz que foi feita a transferência dos animais para evitar acidentes. Uma nova análise foi feita no local e a concessionária Rodovias do Tietê instalou placas de redução de velocidade na pista. Uma petição online pede mais providências.

A reportagem procurou a Secretaria do Verde e a Polícia Ambiental para que esses casos sejam avaliados.