Após uma denúncia recebida através da Delegacia Eletrônica de Proteção Animal – DEPA, a Polícia Civil de Itatinga flagrou uma cadela em situação de maus-tratos em uma residência localizada na Vila Canaã.

No local, uma residência sem moradores, os Policiais Civis Luciano e Glauco, encontraram uma cadela da raça Pit Bull extremamente debilitada, devido a falta de alimentos e em precárias condições sanitárias, o que acabou por acarretar uma grave infestação de sarna e carrapatos no animal.

Após a constatação dos maus-tratos ao animal, os policiais civis acionaram uma representante da Associação de Proteção Animal do município, que rapidamente adotou as medidas necessárias para que a pit bull recebesse atendimento médico veterinário, alimentação e um local apropriado para viver.

Embora o autor não tenha localizado no local, o mesmo será indiciado pelo crime de maus-tratos a animais, previsto no artigo 32 da Lei 9605/1998. Ele foi identificado. A polícia diz que o morador deixou o imóvel e o animal ficou abandonado, mas já estava em situação de maus-tratos antes.

Segundo a equipe que atuou no caso, ações como esta, são possíveis graças à integração existente entre população e a Polícia Civil.