Inscreva-se na nossa newsletter!

Trending News

Polícia

São Manuel atende seguidos casos de violência contra mulheres 

São Manuel (SP) tem 155 mulheres sendo acompanhadas porque denunciaram ameaças e agressões. Foram vários atendimentos nos últimos dias.

Na manhã de terça-feira (02) , a Patrulha Maria da Penha foi acionada pela DDM ( Delegacia de Defesa da Mulher), onde uma mulher , vítima de violência doméstica pedia socorro às equipes policiais.

A denunciante relatou que seu marido faz uso de drogas e bebida alcoólica com frequência e em razão disso, estava violento e a ameaçando de morte.

A vítima informou que o agressor estaria exigindo metade do seu salário para compra de drogas e bebidas, e muito agressivo dizia a todo instante que iria matar ela e suas filhas. Ela tinha gravado algumas ameaças em um outro aplicativo.

As equipes da GCM localizaram o agressor e o conduziram até a DDM , onde ele foi preso e encaminhado a cadeia pública de Itatinga-SP

Atenderam a ocorrência os agentes GCMs Luciano e Simone da Patrulha Maria da Penha.

Ameaças à própria irmã

Na noite de segunda-feira (01) , através de solicitação via telefone de emergência 199, a Guarda Municipal foi informada que um homem estaria agredindo sua família no bairro da Nova Conquista .

Assim, a equipe composta pelos agentes Mattos, Alberto e De Paula com apoio da equipe de ROMU com os agentes GCMs , Sub Cmt Jorge, Leandro e Neto se deslocou ao local.

Na residência, a vítima, irmã do suspeito relatou que havia sofrido agressões e ameaças de morte e que ele estaria sob efeito de álcool.

Os agentes localizaram o agressor no interior da residência e no momento da abordagem ele não ofereceu resistência. Ele já é conhecido da polícia por agressões contra a própria mãe e foi preso.

Vila Rica

Há tempos um homem vinha agredindo e ameaçando sua ex-mulher. Ele já foi preso outras vezes pelo mesmo crime e saiu da cadeia há pouco tempo.

A patrulha Maria da Penha da GCM com os agentes GCMs Simone e Monteiro vinham acompanhando e orientando a vítima que possuía medida protetiva expedida pela justiça.

Eles receberam a denúncia que o homem, muito agressivo, estaria tentando invadir a residência da mulher, dizendo que iria matá -la .

Dessa forma, a patrulha Maria da Penha solicitou apoio e uma equipe de área da GCM, com os agentes Sub CMT Galdino e GCM Matheus, se deslocou ao endereço.

O homem foi detido e recebeu voz de prisão, sendo conduzido até a DDM (Delegacia de Defesa da Mulher). O agressor foi preso em flagrante e encaminhado à cadeia pública de Itatinga.


Notícias similares