O Ministério de Saúde iniciou a entrega de testes rápidos para detecção da COVID-19 a todos os Estados como estratégia para contribuir com a antecipação do retorno seguro ao trabalho de todos os profissionais de saúde e outros segmentos essenciais, e também, para o acompanhamento mais específico para grupos mais vulneráveis da população.

Os testes têm como populações-alvo, exclusivas, indivíduos com quadro respiratório agudo, caracterizado por sensação febril ou febre, mesmo que relatada acompanhada de tosse ou dor de garganta ou coriza ou dificuldade respiratória, vinculados ao seguintes grupos:

1- Profissionais de saúde em atividade na Atenção Primária à Saúde (APS), hospitais, pronto-socorro e unidades de pronto atendimento (UPA);

2- Profissionais de segurança pública em atividade;

3- Pessoa com diagnóstico de síndrome gripal (SG) que residam no mesmo
domicílio de um profissional de saúde ou segurança em atividade;

4- Pessoas com 60 anos ou mais.

Os testes devem ser aplicados em pessoas cujos sintomas compatíveis com síndrome gripal tenham se iniciado há pelo menos 8 dias.

Nos casos de profissionais de saúde e segurança pública, solicita-se adicionalmente que a pessoa esteja há 72 horas assintomáticos.

O município de São Manuel recebeu a primeira grade de teste rápido no quantitativo de 400 testes.

O exame será realizado na residência do paciente, após avaliação da Equipe do Coronavírus do Município juntamente com a Vigilância Epidemiológica local.

As informações foram prestadas pelas enfermeiras da Vigilância Epidemiológica do Município, Ana Lúcia Juliani Brasílio e Vanessa
Cristina Anizi