O prefeito de Botucatu, Mário Pardini divulgou uma nota na noite desta quinta-feira (12) de uma reunião com a segurança estadual para tratar sobre o ataque à Caixa Federal com pessoas reféns, na madrugada de quarta-feira (11), com explosão da agência para o furto de joias.

A postagem do prefeito dizia o seguinte: “Reunião com General João Camilo Pires de Campos, Secretário Estadual de Segurança, acaba de terminar. Uma ferida aberta no coração de nossa população, imagens horríveis que nos entristeceram muito e que não estamos acostumados a presenciar. Ainda muito triste com o ocorrido em nosso Município, juntamente com Dr. Marcelo Emilio, Dr. Talamonte e Coronel Agrella, representando nossas Forças de Segurança, solicitei empenho na identificação dos responsáveis pelo roubo da Caixa Econômica Federal e principalmente pelo sofrimento das pessoas que no momento do crime passavam pelo local”.

Ele ainda citou: “Temos acompanhado ações de quadrilhas organizadas e com forte armamento, especializadas em roubos a Banco e Caixas Eletrônicos se repetirem em nossa região. Foi assim em Porangaba, Conchas, Bofete, Pardinho, Itatinga e mais recentemente Bauru. Potencializar investimentos em inteligência, promover ações integradas entre municípios e estabelecimento de Políticas Públicas coordenadas pelo Estado no combate preventivo a este tipo de crime também foram pauta desta reunião”.

Enfatizou que não houve vítimas apesar de pessoas terem sido feitas reféns: “Agradeço a DEUS por não termos perdido nenhuma vida, a todos nossos Policiais Civis e Militares e a nossos Guardas Municipais pela conduta corajosa e por darem preferência a vida, pois qualquer ação inadequada poderia ter provocado uma tragédia. Agiram com prudência e extrema sabedoria. Agradeço também ao Prefeito João Bosco, de nosso município vizinho Itatinga, que também sofreu afronta semelhante, e se dispôs a estar conosco nesta importante e fundamental agenda. Não vamos nos conformar, muito trabalho pela frente!”, finalizou.

(do 14News)