14 de agosto de 2022

Desde 2015 | A informação começa aqui!

Motoristas de carro e moto sem CNH fogem da PM e GCM causando risco ao trânsito da cidade

Dois casos de pessoas sem habilitação e fugindo da polícia pela contramão levaram risco ao trânsito de Botucatu. Os casos foram registrados nessa sexta-feira (21) nos plantões da Polícia Militar e Guarda Civil Municipal (GCM).

No primeiro caso, um suspeito de 32 anos, que disse ser motoboy, e tem passagem por tráfico de drogas, fugiu da PM quando estava com um carro Santana, placa de Botucatu, na região do Jardim Peabiru, ocorrência atendida por volta das 23h30 dessa sexta-feira (21).

O motorista que não tem habilitação e estava com o carro sem licenciamento desobedeceu o sinal de parada na avenida Dom Lúcio, perto do Espaço Cultural. Ele fugiu por várias ruas do centro, chegando a subir na calçada da Rua Campos Salles, onde ainda acelerou, e fugiu pela contramão da Rua Rafael Sampaio (Bairro Boa Vista). O motorista só foi detido quando tentou passar entre uma viatura policial e um caminhão, atingindo a viatura, um Space Fox, que foi danificada na lateral; e o carro do fugitivo não funcionava mais.

O homem foi retirado do carro onde estavam mais duas amigas  de 21 e 22 anos. Na ocorrência atendida pelos policiais: cabo Carvalho, soldado Serni, além do sargento Rosivaldo, cabo Daniele e PM Batista, o motorista foi levado ao plantão policial e apresentado ao delegado Celso Olindo, que o prendeu por desacato, dano ao patrimônio público (viatura), transitar em velocidade incompatível com a via, dirigir sem permissão e resistência. Ele foi levado à cadeia da cidade de Itatinga. O motorista alegou que fugiu porque estava com a documentação atrasada e não tinha CNH. As duas passageiras foram ouvidas e liberadas.

MENOR EMPINA AO VER VIATURA

Um adolescente de 15 anos também foi detido depois que empinou a moto que conduzia perto da pista de skate do Bairro Cecap, em Botucatu.

Ao perceber que seria abordado por uma viatura da GCM, às 15h40 dessa sexta-feira (21), o menor empinou a moto e acelerou, fugindo pela Rodovia Castelinho, Marechal Rondon, Gastão Dal Farra, Parque Marajoara, e voltando à Cecap, onde se escondeu em sua casa localizada na Rua Emilio Cani. A moto deixada no quintal estava com a numeração do motor alterada.

O adolescente recebeu o alerta para que saísse da casa, quando ele se apresentou aos guardas e foi levado à delegacia. No imóvel estavam ainda sua mãe e uma tia. Na delegacia a moto foi apreendida e o adolescente vai responder em liberdade ao caso na Vara da Infância e Juventude, podendo até ser apreendido na Fundação CASA. O menor disse que fugiu por receio de perder a moto. Mas, pilotou na contramão em várias ruas.

A moto estava em nome da avó e foi comprada com o dinheiro do pai do menor que já é falecido, e segundo a mãe, por insistência do filho que queria a motocicleta. De acordo com a polícia, existe indício de delito praticado pela avó pelo artigo 310 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB). A acusação é de “permitir, confiar ou entregar a direção de veículo automotor a pessoa não habilitada, com habilitação cassada ou com o direito de dirigir suspenso, ou, ainda, a quem, por seu estado de saúde, física ou mental, ou por embriaguez, não esteja em condições de conduzi-lo com segurança”. A pena é de detenção, de seis meses a um ano, ou multa. A moto CG 150 foi apreendida no pátio.

Apesar dos riscos que os motoristas causaram não houve feridos.

(Cristiano Alves – Do Agência14News).

Imagens – Abaixo, foto da viatura da PM que foi danificada, da GCM (caso do menor) e do Santana que fugiu dos militares

Redação 14 News

Redação 14 News

Você pode gostar também

Fique informado

Receba nossas news em seu e-mail.

Publicidade

Mais recentes