Um jovem de 29 anos foi liberado da delegacia mesmo tendo furtado um botijão de gás da casa do próprio pai, em Botucatu. Isso aconteceu porque a lei não considera crime o furto dentre parentes, a não ser que a vítima, que no caso é o pai, tenha 60 anos ou mais.

Segundo boletim de ocorrência, o crime ocorreu por volta das 4h30 da manhã desta terça-feira (28), na Vila Maria. O jovem já tinha pedido dinheiro ao pai, que não deu o valor, duas horas antes.

Depois, a PM encontrou o suspeito carregando o botijão de gás na rua. Ele foi detido e levado à delegacia, onde seria autuado em flagrante, mas na lei existe um fator chamado imunidade absoluta, que considera que filho ou conjugê não devam ser penalizados por esse tipo de crime, ou seja, furto.

A vítima, no caso é um aposentado de 54 anos.

Depois de ouvido o suspeito foi liberado.

(Do Agência14News)