Inscreva-se na nossa newsletter!

Trending News

Polícia

Depois de crime na praia, moradores de Itatinga recebem e-mail com as fotos das roupas furtadas 

Depois de ter a casa de praia invadida por furtadores em Mongaguá, litoral de São Paulo durante passeio, um grupo de turistas, entre eles moradores de Itatinga, recebeu fotos das roupas furtadas – entre elas peças de biquinis. As imagens chegaram no e-mail de uma das vítimas através de mensagem automática, pois o celular é programado para enviar uma cópia de tudo o que foi fotografado na semana anterior.

Segundo notícia do site G1 de Santos e região, o grupo tinha deixado seus objetos na casa enquanto foi na praia, mas quando voltou, encontrou o local revirado e muita coisa tinha sido furtada. O prejuízo estimado é em torno de R$ 8 mil. Só os quatro veículos não foram levados porque estavam com as vítimas na orla da praia.

“Toda segunda-feira, eu recebo as fotos que fiz pelo celular na semana por e-mail. E foi o que aconteceu. Quando eu fui ver, havia mulheres, um homem e uma senhora nessas imagens. As roupas que eles vestiam foram reconhecidas pela nossa família, que teve tudo levado naquele dia”, contou ao G1 um montador de móveis que estava com o grupo e mora na Capital.

Ele diz que um vizinho ligou contando que a casa estava toda aberta. ““É algo traumatizante. Minha mulher ficou nervosa, começou a chorar. Quando vimos, a casa estava toda revirada e eles levaram tudo. Deixaram algumas malas, talvez por não conseguirem carregar por conta do tamanho”.

'FIQUEI COM 20 REAIS'

Os bandidos levaram roupas e sapatos, celulares, televisores e dinheiro. “Fiquei com R$ 20 e foi com isso que eu comprei uma água no mercado para a gente se acalmar”.

No passeio estavam crianças, adolescentes e idosos. “Era a primeira vez que o pessoal de Itatinga tinha ido à praia. Agora, ninguém mais quer voltar. A nossa sorte foi que ninguém estava na casa. Mas imagina se algum de nós estivesse lá, dormindo, e a casa fosse invadida?”, diz o morador ao G1.

“As imagens que eu recebi por e-mail mostram as pessoas que estão com o meu celular. A polícia tem que encontrá-las e prendê-las. Depois desse susto, para o Litoral Sul a gente não volta mais”, afirma.

 

Curta o Facebook do Agência14News e fique por dentro das notícias de Botucatu e região: www.facebook.com/agencia14news

(Texto: Agência14News e reportagem G1)

 


Notícias similares