Um homem de 37 anos que estava com a prisão preventiva decretada pela justiça sob a acusação de atirar no sogro há alguns dias, foi preso pela Polícia Militar, às 17h35 dessa sexta-feira (21), no Bairro Santa Maria, em Botucatu.

Segundo a polícia, após informações que chegaram à sua central nessa sexta-feira, os militares cabo Lofiego e cabo Lucas chegaram à casa indicada e localizaram o suspeito. Nesse endereço reside uma mulher de 42 anos, que é prima do acusado.

No local, o homem foi detido logo que os PMs chegaram. Depois, durante buscas na casa foram localizados alguns objetos que podem  ser de provenientes de furtos praticados na cidade. Havia no imóvel máquina lava-jato, ferramentas e ainda 2 munições calibre 38. A arma usada para ferir o sogro – um revólver calibre 38 – não foi localizada.

No caso do tiro registrado nesta semana no bairro Altos da Serra, o homem de 42 anos foi atingido por um disparo quando tentava separar uma briga, onde o acusado batia na companheira dele. No meio da confusão, o sogro levou um tiro na perna e o agressor fugiu. A vítima não corria risco de morrer.

– Veja reportagem anterior.