Funcionários do AME (Ambulatório Médico de Especialidades) de Botucatu, que está sendo usado como hospital de campanha contra a Covid-19 nessa pandemia, entraram em contato com o 14 News para denunciar o atraso do pagamento de salário. Eles afirmam que, até essa quinta-feira (13), o pagamento não havia sido realizado.

A reportagem entrou em contato com a assessoria de imprensa do AME, nos foi divulgado que a Secretaria Estadual de Saúde não emitiu o repasse para os espaços que foram adaptados para o hospital Covid-19. Outra informação é que, ainda hoje, teremos uma manifestação dos funcionários nas dependências do AME.

Em nota, a Secretaria Estadual de Saúde disse que o pagamento dos funcionários é de responsabilidade da contratante e os repasses ocorrerão em conformidade com a programação orçamentária, que deve acontecer nos próximos dias.

A reportagem também questionou a SES se houve atraso nesse repasse do Governo Estadual ao contratante e qual é o prazo definido. Até o momento não obtivemos resposta da assessoria.

Segue a nota completa: “Os atendimentos no Hospital de Campanha do AME de Botucatu estão mantidos normalmente. O pagamento de funcionários é responsabilidade da contratante, à qual os repasses ocorrem em conformidade com a programação orçamentária e devem ocorrer nos próximos dias.”. (Guilherme Dorini do 14News).