Inscreva-se na nossa newsletter!

Trending News

Botucatu

Emoção: morador de Guarulhos encontra a mãe que não via desde pequeno, após 30 anos, em Botucatu 

Depois de pedir ajuda ao site Agência14News, à Rádio F8 e à assistente social Neide Zonta de Botucatu, o morador de Guarulhos,que atua como profissional de móveis planejados, Pablo de Oliveira Silva, de 40 anos, encontrou a mãe, Izildinha de Ap. Silva de Oliveira, de 60 anos, que ele não via desde os 10 anos de idade.

O encontro ocorreu na tarde desse sábado (12), depois dele desembarcar no terminal rodoviário de Botucatu. Ele conseguiu umas das últimas passagens do dia à venda e viajou com a filha adolescente até Botucatu.

Andrea Alves que mora em Ubatuba e quis ajudar o amigo procurando a imprensa de Botucatu buscando por Izildinha, falou da satisfação em auxiliar nas pesquisas. “Estou muito feliz por ter ajudado ele, pois sei a dor de não ter uma mãe por perto. É um grande vazio, pois sabendo que sua mãe estava viva eu resolvi ajudar. Estou muito feliz, meu coração se alegra agora porque ele passará muito feliz o Natal e toda a vida com sua mãe”, disse.

Neide Zonta, assistente social de Botucatu, foi quem fez a pesquisa na cidade e achou a mãe de Pablo. “Quando fui procurada por vocês do site e da rádio, comecei a busca pela senhora Izildinha através do cadastro da saúde, e para minha surpresa moramos na mesma avenida, no Jardim Monte Mor. Foi uma emoção muito grande no momento que encontrei a senhora Izildinha e perguntei se ela tinha um filho chamado Pablo, em seguida ela me perguntou quem eu era. Antes que eu me identificasse, ela se emocionou e me disse que queria muito saber como o seu filho estava, pois já havia procurado sem sucesso de encontrá-lo antes”, conta Neide.

Segundo Neide, quando contou ao filho da novidade, foi mais emoção. “Ao falar com o filho Pablo que eu havia localizado sua mae, foi outra emoção”, lembra. 

O filho ficou emocionado também. “Procurei minha mãe por 30 anos. E depois da minha amiga procurar vocês no site, na rádio e pela Neide, encontrei minha mãe. O encontro foi o que eu esperava. Eu tinha 10 anos quando meu pai me tirou dela. Foram 30 anos procurando. Graças a Deus através de vocês eu a encontrei. Dormi na casa dela sábado e domingo à tarde teve um almoço. Estou feliz demais e muito agradecido. Minha filha de 13 anos, que não conhecia a avó, também ficou feliz demais. Daqui para a frente será só felicidade. Estarei sempre em Botucatu”, disse o filho que viu a mãe depois de 3 décadas. 

(Do Agência14News)


Notícias similares