O Governo do Estado de São Paulo recebeu no aeroporto de Guarulhos a quantia de 2 milhões de doses da vacina do Butantan contra o coronavírus.

Com o novo lote de dois milhões de vacinas que chegou na manhã desta sexta-feira (18), já são 3 milhões e 120 mil doses da vacina do Butantan em solo brasileiro. “O Governo de SP trabalha com planejamento e senso de urgência para salvar vidas”, informou o governador João Doria.

A expectativa é que a vacinação comece no dia 25 de janeiro após todas as liberações necessárias.

Na semana passada, o Butantan confirmou que o estudo clínico conclusivo da vacina contra o coronavírus será divulgado no próximo dia 23. A medida dá mais agilidade aos trâmites de certificação na Anvisa e demais órgãos internacionais de saúde.

A decisão atende a recomendação do comitê internacional independente que acompanha a pesquisa do Butantan em parceria com a Sinovac. A fase três do estudo clínico no país será encerrada nesta semana, já que o patamar ideal de 154 voluntários com diagnóstico positivo de coronavírus foi superado.

“No dia 15 de janeiro, teremos prontas para uso 9 milhões de doses. No começo de fevereiro, 22 milhões de doses e, no dia 15 de março, outras 15 milhões”, afirmou o Diretor do Instituto Butantan, Dimas Covas.