Boletim covid-19 divulgado na noite desta sexta-feira (21) teve a divulgação de 11 casos positivos nas últimas 24 horas, sendo 2 assintomáticos.

Hoje são 200 pessoas em quarentena por terem testado positivo recentemente ou porque moram na mesma casa.

Covid-19 no Brasil – mortes persistem

“Triste realidade: há 10 semanas o Brasil vem mantendo alta mortalidade pela Covid-19. Uma média de mil óbitos diários. Pior ainda, o Estado de São Paulo apresenta uma leve tendência ascendente neste período.
Ou seja, muitos óbitos por um longo período de tempo!”, avalia o professor e médica, Luiz Caldas Jr de Botucatu.

Segundo ele, até mesmo Botucatu que tem taxas de mortalidade bem inferiores à média nacional e estadual, persiste em altos índices desde meados de junho.

“Esta situação contrasta com a de outros países que tendo passado por situações dramáticas de alta mortalidade, tiveram um platô, que durou algumas semanas, seguido de queda acentuada. Compare-se, o Brasil, com mais de 30 óbitos semanais por 1 milhão de habitantes (há 10 semanas), com a Itália, Reino Unido e França, com perto de 1 óbito por 1 milhão de habitantes na última semana”.

“Muitos especialistas apontam que isto decorre do abandono precoce das medidas de ISOLAMENTO E AFASTAMENTO SOCIAL, muito além daquilo que a preservação da economia exigia… TRISTE REALIDADE!”.