Inscreva-se na nossa newsletter!

Trending News

Geral

Mulher é presa acusada de agredir e tentar atropelar policial militar feminina 

Uma mulher de 36 anos foi presa neste sábado (21), acusada de agredir e tentar atropelar uma policial militar feminina, no Barro Árvore Grande, em Botucatu (SP).

Consta em boletim de ocorrência registrado no plantão policial que a acusada teve um desentendimento com a policial (que não estaria em atividade) e a agrediu segurando seu braço e danificando o celular dela quando tentava acionar a Polícia Militar.

Em seguida, traz o relatório policial, a mulher jogou um veículo na direção da vítima, que só não foi atropelada por ter se esquivado em tempo.

Os policiais que foram ao endereço dizem que precisaram usar de força necessária, pois a mulher não aceitava ser abordada, e se rebelou contra a equipe.

A mulher machucou o rosto durante a confusão com os PMs, pois segundo o BO, bateu acidentalmente a cabeça em um muro chapiscado. Já os PMs saíram ilesos.

O delegado de plantão determinou a prisão em flagrante, pois a soma dos crimes ultrapassa 4 anos e assim inviabilizou que tivesse direito à fiança. Dessa forma, a acusada foi presa pelos crimes de lesão corporal, dano, resistência e oferecer perigo à vida de outra pessoa.

PM apreende armas em caso de violência doméstica em Itatinga

Neste sábado (21), por volta das 12h49, a Polícia Militar localizou armas quando foi atender um caso de violência doméstica em Itatinga (SP).

Uma mulher acionou a PM em uma fazenda e disse estar sofrendo ameaças e agressões do seu marido.

Neste sábado ela diz que voltou a ser agredida com tapa e novamente foi ameaçada.

Ela foi perguntada se na casa existiam armas e ela apontou que esse material estava no quarto da casa.

Os PMs localizaram 3 espingardas e munições.

O homem foi levado ao plantão e pagou fiança de mil reais para não ficar preso.


Notícias similares