Inscreva-se na nossa newsletter!

Trending News

Botucatu

Motorista de aplicativo inventou assalto em Botucatu, esclarece Polícia Civil 

A Polícia Civil do Estado de São Paulo, por meio da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) de Botucatu, com a equipe formada pelo delegado Celso Olindo, os policiais: Vergílio, Bruno, Bellotto e Eliandro, esclareceu um assalto que foi registrado em boletim de ocorrência na cidade.

A polícia informa que tomou ciência do roubo ocorrido no dia 22 de abril, onde o motorista de aplicativo contou que ao terminar uma corrida, um desconhecido entrou em seu veículo, se passando por um passageiro e anunciou o roubo. Durante o crime, ele levou R$ 1.000,00 em dinheiro.

Após buscas, inclusive com o próprio motorista indicando o local em que o roubador teria entrado em seu veículo – e o bairro que o mesmo se evadiu – em seguida obteve-se filmagens das proximidades do local assalto.

Após análise das imagens durante horas de observação, foi possível confirmar que o crime narrado pelo motorista não ocorreu. Ele foi então intimado para prestar maiores esclarecimentos, e acabou por confessar que o roubo denunciado por ele não aconteceu, justificando que está com dívidas e não possuía o dinheiro suficiente para quitá-las, e assim necessitava de uma justificativa para não pagar esses valores.

Foi descoberto pela equipe de policiais que motoristas de aplicativo da cidade se sensibilizaram com o suposto crime e arrecadaram dinheiro para ajudá-lo, e assim, ele não desmentiu para eles o crime, arrecadando cerca de R$400 reais.

Ele responde ao caso em liberdade e será processado por falsa comunicação de crime.


Notícias similares