Na quinta e sexta-feira, 30 e 31, a Guarda Civil Municipal (GCM) de Botucatu prendeu dois procurados pela Justiça.

No início da noite de quinta (30), a Equipe GAPE (Grupo de Ações Preventivas Especiais) com os GCMs Nogueira e Bruno em patrulhamento preventivo comunitário pelos espaços municipais da Vila Jardim viram um homem em atitude suspeita.

Na abordagem verificaram que se tratava de um rapaz que estava sendo procurado pela justiça pelo crime de estupro, ocorrido quando ainda era menor de idade.

Diante dos fatos, o suspeito de 19 anos foi conduzido até o Plantão Policial, onde a autoridade Simone Alves Firmino, tomou ciência, confirmado a pendência, e o mesmo foi encaminhado ao NAI (Núcleo de Assistência Inicia) ficando à disposição da justiça.

No outro caso, no início da noite de sexta-feira (31) a Equipe GAPE (Grupo de Ações Preventivas Especiais) em trabalho conjunto com a DIG (Delegacia de Investigações Gerais), efetuou a prisão de um homem de 35 anos por estupro de vulnerável, na Cohab 2.

A prisão aconteceu quando a GCM fazia patrulhamento preventivo pelos espaços municipais do referido bairro.

Os GCMs contaram que avistaram o suspeito na rua, que ao perceber a presença da viatura, demonstrou nervosismo. Logo que foi abordado acabou-se constatando que ele estava sendo procurado pelo crime de estupro de vulnerável.

O homem foi conduzido até o Plantão Policial, onde a autoridade, delegado Sérgio Palmieri Jr. tomou ciência dos fatos e o abordado permaneceu preso.