Inscreva-se na nossa newsletter!

Trending News

Destaques

Secretário da Saúde comenta casos de Covid-19 entre crianças de Botucatu 

O site 14News procurou o secretário municipal da Saúde, Andre Spadaro sobre casos de Covid-19 em crianças e pessoas mais jovens, informação essa que vem sendo amplamente compartilhada nas redes.

Apesar do número estar acima de outras cidades, Spadaro pontua que esses eram os mesmos dados em 16/02/21. “Veja que o percentual é muito próximo do atual. Então não está relacionado com retorno de aulas em maio. Já fazemos mais diagnóstico em crianças desde o início da pandemia”, comentou.

Casos em crianças e a testagem

“Sempre tivemos um percentual maior de diagnóstico em crianças, desde o ano passado, porque testamos crianças e bebês sistematicamente há 1 ano. Testamos menores de 9 anos sem sintomas que são contatos domiciliares de casos positivos há muito tempo, o que não ocorre em geral em outros municípios. Temos ainda uma equipe e escala de coleta no Hospital do Bairro para menores de 8 anos, com mínima suspeita e sintomas de síndrome gripal”.

“Esse é o significado de nosso percentual ser maior, na verdade deve ser avaliado pelo lado positivo, significa que fazemos mais diagnóstico, isolamos e monitoramos mais, o que é recomendado. Não temos observado números elevados de casos positivos nas escolas, que tem um monitoramento dedicado, com testes de saliva”.

De acordo com o secretário, de um modo geral, com o avanço do PNI (Plano Nacional de Imunização), há meses as faixas etárias de contaminados vem se deslocando para indivíduos cada vez mais jovens em todo o estado e país. Ele diz que é uma consequência da vacinação com 2 doses de todos os idosos.

Em Botucatu, com a vacinação em massa dos adultos, expectativa nos próximos meses é de queda da contaminação de menores de idade, através do mecanismo conhecido como imunidade de rebanho.

“Para obter os melhores resultados é fundamental que todos completem o esquema vacinal com as 2 doses e é fundamental que todos mantenham os cuidados de prevenção. O combate à COVID-19 é o resultado da soma da vacinação e das medidas de prevenção, necessariamente em conjunto”, finalizou.


Notícias similares